Resultado de imagem para Vinho e idosos?

Se entre os jovens o vinho é mais recusado, entre os nossos queridos velhinhos já é bastante diferente. Mas esse encanto vai muito além do seu sabor marcante e delicioso que proporciona, ele é um aliado à terceira idade. O vinho só tem capacidade terapêutica quando administrado na dose certa. Qualquer quantidade a mais o tornará prejudicial tendo em vista ser alcóolico, sendo assim é indicado que seja consultado um especialista na área antes de começar a ser consumido diariamente.

É importante lembrar que o vinho possui várioso benefícios para aa saúde, mas também pode ocacionar problemas. Não é novidade que o álcool em excesso pode causar problemas no organismo, tirando os elementos nutritivos a serem absorvidos. Uma pessoa é saudável quando consegue o equílibrio físico, mental e social. Continue lendo e confira todas as dicas e benefícios.

O vinho é produzido da uva inteira, e é claro que isso inclui as sementes. A semente de uva (Vitis vinefera) tem suas ações fisiológicas exercidas pela presença de polifenóis. Esses polifenóis foram relacionadas à prevenção de DCV (Doenças Cardiovasculares), doenças neurodegenerativas, câncer e ente outras.

Um novo estudo divulgado pelo Instituto Central de Saúde Mental de Mannheim, na Alemanha, revelou que idosos que continuam a desfrutar da bebida alcoólica são menos propensos a desenvolver demência e Alzheimer. Os idosos que possuem costume de consumir este tipo de bebida, como vinho, possuem 30% menos probabilidade de desenvolver demência e 40% menos chances de sofrer de Alzheimer do que aqueles que não consomem ou não sabem as quantidas certas.

A Organização Mundial da Saúde – OMS aconselha consumir três taças de vinho ao dia, sempre durante as refeições. O vinho é um alimento e por isso deve ser degustado e tomado com moderação, principalmente se levarmos em conta suas propriedades e efeitos benéficos para a saúde. Segundo afirma o Dr. Lasierra, Chefe de Hematologia do Hospital San Millán (La Rioja), o vinho é considerado como alimento e, se consumido em quantidades moderadas, tem efeitos benéficos em diferentes situações clínicas e patológicas, tais como as cardíacas, a demência da velhice e o mal de alzheimer.

Resultado de imagem para Vinho possui benefícios para a saúde dos idosos?

Confira todos os vinhos que proporcionam todas esses benefícios que foram citados: 

1 - Vinho tinto;

2 - Vinho seco e com pouco açúcar residual;

3- Vinhos com baixa graduação alcoólica (menos de 13%);

4 - Uvas Tannat ou Tempranillo;

5 - Vinhos de Bordeaux, Rioja, Uruguai ou Brasil;

6 - Vinhos orgânicos, biodinâmicos ou naturais. 

Fontes: sonoma, noticias, uvibra